Artigo do nosso sócio-fundador, Augusto Pinto, no portal da Aberje com o tema “Pastel de Cacto”.

“Tenho dois filhos muito enjoados para comer, até hoje. Em uma ocasião, eu e um dos meus filhos, então adolescente, resolvemos fazer uma viagem de aventura na Chapada Diamantina. Foram dias inteiros de caminhadas e noites dormindo como pedra, em pousadinhas de vilarejos. A viagem foi incrível e nos aproximou muito. Mas, como tudo tem um lado difícil, a alimentação era fora dos padrões, para dizer o mínimo. Naqueles vilarejos, no meio do nada, a comida era gostosa, mas forte, com ingredientes e sabores sertanejos. Comíamos carne seca, jerimum, macaxeira, jatobá, jaca. Até pastel de cacto provamos (eu gostei muito). Meu filho, a princípio, sofreu bastante, chegando a perder uns quilinhos, mas logo se encaixou no esquema e passou a devorar tudo o que lhe ofereciam. Nada como uma boa degustação para quebrar resistências!”

Quer saber mais? Acesse a íntegra aqui.

Leave a Reply

RPMA Comunicação – 2019